fbpx

Animais e Plantas – A Categoria do Amor e da Beleza

Quer uma oportunidade de negócio em um setor de rápido crescimento? Mais e mais pessoas estão dispostas a colocar seu dinheiro onde estão seus corações, portanto, iniciar um negócio de animais de estimação pode ser muito lucrativo.

De acordo com a IBGE:

  • No Brasil temos 139,3 milhões de animais de estimação.
  • São 54,2 milhões de cães, 39,8 milhões de aves, 23,9 milhões de gatos, 19,1 milhões de peixes e 2,3 milhões de outras espécies.
  • Em 2018 o mercado pet movimentou R$ 34,4 bilhões, com um crescimento estimado de 5% ao ano.
  • O setor de serviços para animais de estimação, incluindo higiene, embarque, hotéis para animais de estimação, sessões de pets, creches e outros serviços, foi uma das categorias que mais cresceu.

Então, como você entra no negócio de animais de estimação? Este artigo fornece vários métodos que você pode gostar.

As ideias abaixo variam de produtos à base de animais, fornecimento de serviços para animais que envolvem trabalho com os bichos, e você também encontrará algumas ideias de negócios nessa lista que envolvem a venda a varejo de animais.

O negócio milionário dos pets

Os pets são os queridinhos dos brasileiros, e isso não é novidade. Mas você sabia que no Brasil, o Mercado dos Pets é um negócio e tanto? Caso você queira investir nesta área, tem muitas opções de onde começar.

Hoje em dia, os donos de bichos de estimação cada vez mais se preocupam com seu bem estar, procurando assim, novas alternativas de agradá-los.

Além do tradicional “banho e tosa”, que já estamos adaptados e é um ótimo meio de começar neste ramo, temos outras opções.

Você pode criar um pet shop, sua loja será especializada em comercializar itens de alimentos, higiene, lazer, saúde, embelezamento e outras opções para os pets. Até a venda de animais é permitida, basta ter as licenças necessárias. O investimento pode ser um pouco alto, mas a médio e longo prazo você terá o retorno desejado.

Adestramento de animais domésticos. Sempre vão existir animais que precisam de adestramento, e sempre vai existir um dono sem paciência e tempo para isso. Oferecer seus serviços pode render um bom dinheiro. Basta fazer o curso de adestramento.

Creches para cachorros. Por incrível que pareça, elas existem. O dono que não tem tempo para o bichinho o deixa na creche durante o dia, para que não fique sozinho. Lá o bicho passa por um período de adaptação, e depois é só brincar com outros pets, receber carinho e obter uma avaliação do seu comportamento durante o dia – esta entregue para seu dono. Geralmente esse serviço funciona de segunda a sexta feira pois nos fins de semana os donos querem aproveitar o tempo com seus cães. Com diárias acima de R$30 dependendo do pacote fechado, é uma opção bem rentável para quem está nesse ramo.

Hotéis para pets. O dono precisa viajar e não tem com quem fique o animalzinho. Simples, deixa no hotel. Ele ficará bem cuidado, com atenção durante todo o período, atividades e até suíte privativa só para ele.

Você não tem condições de montar um hotel para pets? Não tem problema. Aplicativos para celular como o “DogHero”, servem para que você possa ganhar um dinheiro cuidando de animaizinhos. Os donos viajam e você os recebe em sua casa mesmo, sendo o anfitrião durante o período de ausência dos proprietários do bichinho.

Loja de acessórios pet. Apesar de já existir a venda de acessórios pet no pet shop, você pode começar a vender itens personalizados para os bichinhos. Criar uma conta nas redes sociais e divulgar sua marca irá fazer com que os chamados “pais de pet” queiram obter seus produtos, e assim fica mais fácil também de receber feedbacks sobre seu trabalho. Vale lembrar que atualmente até os pets têm contas em redes sociais, então lá é o lugar ideal para oferecer roupinhas, óculos, coleiras personalizadas e outros itens fofinhos e diferenciados.

Para quem já é da área e quer inovar, como os donos de clínicas veterinárias, uma opção é a criação de planos de saúdes para os pets. Você garante a fidelização dos seus clientes, tem um faturamento contínuo na sua empresa e dependendo do pacote, pode aumentar o valor. Ao incluir banho e tosa, vacinações e consultas, o pacote fica mais caro.

Até na alimentação, para fugir das rações industrializadas, há um ramo para os pets. Você pode fazer o alimento natural e vender, para os donos que desejam dar uma qualidade de vida melhor ao seu bichinho. Por prolongar a vida dos animais e ser mais saudável, muitos donos estão abdicando das comidas feitas industrialmente e estão aderindo a comida natural para seus pets. Com uma análise feita anteriormente, você pode fazer a comida de acordo com a necessidade do bichinho. Na internet você encontra 200g de comida natural para cachorro por R$4,90. Se fizer um pacote mensal e dependendo do porte do animal e da quantia consumida, pode render um bom dinheiro.

Depois de todas essas dicas você pode perceber que o que não faltam opções de como começar no ramo pet, certo? Basta escolher o que você quer, qual seu poder de investimento inicial e começar. Boa sorte.

Banho e tosa

Os serviços de limpeza para os animais, incluem atividades típicas de cabeleireiro e banho, secagem, pentear, aparar (remover pelos mortos), além de cortar e cuidar das orelhas ou garras.

O serviço de banho e tosa pode incluir:

  • Pentear e cortar pelos de cães ou gatos.
  • Pentear os pelos de animais de pelo comprido.
  • Banho quadrúpede com o uso de cosméticos animais profissionais.
  • Cortar pelos mortos em animais de pelo crespo (aparar).
  • Escovar os dentes.
  • Corte das unhas.
  • Limpeza de ouvido.

Além dos salões, também podem ser prestados serviços de limpeza na sua própria casa, ou à domicílio (nas casas dos clientes).

Para criar um salão de cabeleireiro para cães, ou um serviço de banho e tosa na sua casa, ou na casa do cliente, não há necessidade de obter permissões de concessão adicionais ou registros em conselhos de atividades regulamentadas. É suficiente registrar uma empresa em termos gerais ou uma MEI.

Também não há obrigação de ter qualificações especiais ou de empregar pessoas com esses direitos. É importante que você, seu funcionário ou o gerente do salão tenha predisposições apropriadas para lidar com os bichos e esteja familiarizado com problemas comportamentais ou de psicologia do animal. Um bom trabalhador deve ser capaz de acalmar o pet, minimizar o estresse associado à visita e proteger-se contra possíveis ataques de agressão e saber como agir em tal situação.

Os salões de beleza para cães estão em crescimento, abaixo você terá todas informações que precisa para iniciar seu próprio negócio de banho e tosa:

Treinamento / obediência de cães

Se você pode fazer isso e fazer um bom trabalho, pode investir nesse ramo. Há muitas pessoas que não têm tempo, habilidade ou ambas para treinar adequadamente um cachorro, mas, por alguma razão, compraram um cão e de qualquer maneira e agora precisam de alguém para treiná-lo.

A localização não é necessariamente um problema. Você pode treinar os cães em praças e parques (em que seja permitido cães, claro), ou as instalações podem ser alugadas para realizar aulas de treinamento de cães, especialmente se for para agilidade.

Saiba mais sobre como iniciar um negócio de treinamento para cães:

Outras oportunidades PET:

Acessórios para cães

Todo mundo já viu pets com roupinhas. Principalmente no inverno. Por que não dar um passo adiante?

Já existem lojas com roupas ou acessórios incomuns para cães em todo o mundo, cuja oferta inclui jóias (por exemplo, miçangas), perucas, fantasias de carnaval ou de natal, sapatos (sandálias e botas de cowboy), óculos de sol , mochilas ou chapéus.

Não estou convencido de que os cães gostem de usar tudo, mas certamente haverá pessoas dispostas a gastar seu dinheiro que pensam assim.

Hotel e SPA para cães

Um hotel para cães é uma boa solução quando temos que deixar nosso animal de estimação bem cuidado por algum tempo. Podemos escolher um hotel comum, e é o que mais vende, onde nosso aluno receberá um box e local para se exercitar/passear, ou tratá-lo com luxo real: massagens, spa e banhos.

Exitem Dog's Hotels, em que você pode alugar uma suíte com uma cama luxuosa, TV e banheira, onde o cão pode tomar um banho de espuma.

Assinatura de serviços e cosméticos

O negócio de assinaturas é uma ideia da indústria de cosméticos animais. Por uma taxa mensal fixa, o assinante recebe um pacote com surpresas todos os meses, incluindo cosméticos.

Uma oferta semelhante pode ser feita para os donos de cães. Na caixa, todos os meses, encontramos amostras de guloseimas, produtos para cuidados, e brinquedos. Dessa forma, os proprietários poderão experimentar uma ampla gama de produtos e novidades por pouco dinheiro.

Precisa se Atualizar, Especializar ou Aperfeiçoar sua Técnicas para Empreender e Começar seu Negócio Lucrativo?

Podemos ajudar!

Lucrar com a criação de peixes ornamentais

Peixes ornamentais sempre estão em moda. Fascina desde crianças, até adultos, tanto aos homens quanto as mulheres. É difícil conhecer alguém que nunca teve um peixinho em casa, e essa é uma das maiores razões para lucrar com a criação de peixes ornamentais.

Como lucrar com a criação de peixes ornamentais

A criação de peixes ornamentais é um dos passatempos sofisticados que precisam de paciência, atenção e cuidado com os peixes, devido à sua presença em um espaço diferente do ambiente natural e à necessidade de fornecer um local adequado para ele com alimentos bons e de qualidade.

Você pode se interessar em criar esse tipo de peixe para fins comerciais, a fim de obter lucros, e iniciar um projeto de criação de peixes ornamentais em casa. Esse é um dos projetos mais fáceis que podem ser implementados em sua residência.

Os peixes ornamentais são criaturas bonitas e doces que podem ser criadas e geradas com facilidade e simplicidade. Ainda assim, peixes precisam de cuidados, como qualquer projeto doméstico que visa criar animais como pombos e pássaros ornamentais.

A criação de peixes ornamentais

Tipos de peixes ornamentais:

Existem muitos tipos de peixes ornamentais, alguns dão à luz, outros botam ovos, e as espécies mais prevalecentes são aquelas que põem ovos, mas a desova requer habilidade e experiência. Quanto às espécies que dão à luz, elas são fáceis de procriar. Os tipos mais famosos são Guppys, Molly e Espada.

Localização e área do projeto:

O projeto de criação de peixes ornamentais é implementado em casa, pois é um dos projetos que não precisa de capital ou de um local para implementá-lo, e esse é um dos recursos mais importantes do planejamento.

Os peixes ornamentais são comprados em lojas de animais ou em revendedores de peixes ornamentais. Compre pequenas quantidades a preços razoáveis ​​no início da implementação do projeto para criar peixes ornamentais.

Método de incubação de peixes ornamentais:

Você precisa de um aquário de tamanho médio para gerar os peixes, uma malha de plástico é colocada com um diâmetro de 2 mm e a rede é colocada no fundo do tanque para manter os peixes afastados.

O objetivo da rede divisória é evitar que os peixes comam seus filhotes e, portanto, quando a mãe dá à luz, os filhotes cruzam para o fundo através dos pequenos orifícios no fundo da rede, longe da mãe.

O tempo de gestação de uma fêmea grávida varia de 25 a 30 dias em média e produz um número de filhotes entre 50 e 150, que podem ser vendidos com dois meses de idade e o preço de um único peixe varia de uma até várias dezenas de reais, dependendo do tamanho.

Métodos de comercialização do projeto de criação de peixes ornamentais:

A produção materna pode ser comercializada desde os mais novos até as lojas especializadas em vender peixes e pássaros, etc. Também pode ser vendida para vizinhos e amigos, na internet, pela OLX e até pelo Mercado Livre.

No caso do projeto crescer, você pode abrir sua própria loja e vender a produção através dela.

Fatores de sucesso para o projeto de criação de peixes ornamentais:

  • Tenha atenção e cuidado com os peixes ornamentais e proporcione um ambiente adequado para eles.
  • Siga os métodos corretos para manter a produção de peixes ornamentais jovens.
  • Venda e forneça peixes ornamentais a preços razoáveis ​​e baratos.
  • Tente produzir novas linhagens de peixes ornamentais com cores distintas, o que ajuda a atrair a produção do projeto de peixes ornamentais.

Como lucrar com a criação de coelhos

Muitas pessoas preferem comer carne de coelho porque é deliciosa, a porcentagem de gorduras é baixa, além de ser fácil de digerir e benéfica para o corpo.

Muitas pessoas também compram esses bichos para ter no quintal de casa, como um animal de estimação.

O coelho é um animal de estimação que pode ser criado de mais de uma maneira e, a questão da criação de coelhos evoluiu até atingir as caixas de madeira ou gaiolas, que são predominantes no momento.

O coelho é caracterizado por sua enorme capacidade produtiva que encoraja muito a criação deste animal.

Você pode ter lucro vendendo sua produção de coelhos a lojas que vendem aves e ração de pets, para compradores especializados, que são registrados e possuem veterinários responsáveis e tudo o que a lei determina para comercializar sua carne e até mesmo para quem quer criá-los. Portanto, para conseguir abundância e grande lucro para você em suas mãos, vamos ver neste artigo um projeto que você pode implementar com facilidade e simplicidade.

Projeto lucrativo de criação de coelhos

A demanda por coelhos é muito grande. Portanto, a necessidade deles também. É por isso que o propósito de criar coelhos é uma boa ideia e um projeto lucrativo em que você pode ser bem-sucedido.

Para implementar adequadamente esse projeto, você precisa saber algumas coisas:

Primeiro a localização e o espaço apropriado

Tudo o que você precisa para implementar um pequeno projeto de criação de coelhos é um pequeno cômodo dentro de sua casa, no jardim, na edícula ou isolado no telhado da residência, e certifique-se de ventilar bem e também de livrar-se de insetos, roedores e poeira.

Segundo, o equipamento necessário

Depois de fornecer o espaço necessário para implementar seu projeto de criação de coelhos, você precisa de alguns equipamentos, como:

  • Gaiolas de reprodução, gaiolas masculinas, gaiolas femininas, gaiolas para recém-nascidos e gaiolas para coelhos doentes.
  • Obter um coelho macho para cada 5 fêmeas.
  • Obter a ração necessária.
  • Um pequeno estoque de medicamentos e anti-sépticos (facilmente encontrado em lojas especializadas).
  • Fornecer aquecimento para manter os coelhos quentes.

Terceiro, a mão de obra necessária

Os coelhos são afetados por estranhos que entram no quarto, por isso é aconselhável que sempre a mesma pessoa cuide disso, e tudo o que você precisa em seu pequeno projeto é um planejamento dos horários das refeições, de colocar medicamentos e de limpar o local.

Opcionalmente você pode usar um engenheiro agrícola ou um veterinário de tempos em tempos para acompanhar e supervisionar os coelhos.

Quarto, Marketing

Você pode comercializar seu projeto de várias maneiras, incluindo:

  • Distribuição para várias lojas de pássaros.
  • Distribuição aos comerciantes de coelhos no mercado.
  • Venda para quem deseja criar coelhos.

Quinto, dicas que podem ajudar a ganhar dinheiro com a criação desses animais

Algumas dicas com as quais você pode trabalhar se aceitar este projeto:

  • A melhor seleção de fêmeas e machos.
  • Evite coelhos gordos ou deformados.
  • Você pode vender coelhos aos dois meses de idade.
  • Não compre coelhos preguiçosos.
  • Isolar coelhos doentes para que não infectem outros coelhos.

O projeto de criação de coelhos é um projeto lucrativo, simples, e você pode implementá-lo facilmente.

Se você se interessar por ele, comece a implementá-lo !!!

Lucrando com as plantas, através da agricultura em casa

Plantar em casa é um dos novos métodos para obter bons lucros, porque as condições econômicas pelo qual o país vive com os altos preços das frutas e legumes nos mercados, e também a incapacidade dos indivíduos de possuir qualquer terra ou horta para cultivar e suportar os altos custos dela, se tornaram impossíveis.

Portanto, muitos grupos de indivíduos decidiram se dedicar a agricultura doméstica e abandonar completamente as compras de alguns tipos de frutas e legumes. Algumas pessoas descobriram que há produção mais abundante do que precisam, por isso vendem o excesso e lucram com elas em altas proporções.

Você encontrará neste tópico:

  • Materiais necessários para agricultura doméstica
  • Tipos de verduras e legumes para cultivo em casa
  • Tabela de sugestões de verduras e legumes fáceis de plantar em casa
  • Métodos de cultivo em casa para iniciantes

Materiais necessários para agricultura doméstica

Existem alguns materiais que você deve precisar para executar completamente o processo de cultivo em casa.

Você precisará de recipientes de plástico grossos ou de uma tigela de cerâmica, desde que esses utensílios e recipientes tenham uma abertura ou um grupo de aberturas até que a água que irrigue ou regue os legumes e frutas vaze.

E sua escolha será baseada no tamanho que mais lhe convém, e seja qual for o tipo desses vasos ou recipientes, a profundidade deve ser superior a quinze centímetros, para não ser um obstáculo à extensão das raízes das plantas e que possam crescer adequadamente.

Você precisará de uma quantidade de solo "sedimentado", para garantir uma fertilidade de altíssima qualidade e suporte a pressão dos vasos, de forma que ajude sua planta a crescer de modo natural.

O processo de jardinagem da sua horta não requer ferramentas e materiais complicados, basta preparar um vaso de plantio, uma ferramenta de perfuração, fertilizante de potássio e nitrogênio, além de um pulverizador de água.

Você precisa comprar fertilizantes orgânicos que ajudam a planta a ter saúde porque ela precisa nutrientes variados, incluindo:

  • Gesso para sulfato de cálcio: fornece o cálcio necessário e não afeta sua alcalinidade.
  • Calcário de dolomita: É responsável por elevar a alcalinidade do solo e aprimorar seus elementos de magnésio e cálcio.
  • Potássio de fonte vegetal: estimula o elemento potássico necessário para as plantas e frutas durante diferentes estações do ano.
  • Pó de calcário: aumenta a alcalinidade do solo e mantém o elemento cálcio.
  • Osso em pó: É responsável por estimular o crescimento das raízes.
  • Adubo orgânico: fornece alimento ao solo em geral.
  • Adubo de galinha: é a primeira fonte de nitrogênio necessária para o solo.
  • Erva de algas: aumenta a porcentagem de húmus.
  • Fosfato de rocha: É responsável por fornecer o fosfato necessário, se esse elemento estiver faltando.

Na jardinagem em casa, você precisará continuar o processo de irrigação diariamente, especialmente nos dias de verão, porque em altas temperaturas, as secas na água ocorrem mais rapidamente com vasos ou tigelas.

Mas se o tempo estiver moderado, você deve irrigar a cada dois dias e preparar um spray para umedecer as folhas de frutas e legumes, porque isso é considerado um processo de revitalização da planta e também remove a sujeira e a poeira do ar.

Vale a pena notar que as sementes e plantas recém plantadas precisam de água diariamente, enquanto as plantas totalmente crescidas podem ser menos irrigadas para estimular as raízes a crescerem profundamente na terra para aumentar sua força e capacidade de suportar o calor do verão.

Além disso, deve-se garantir que a bacia de plantio não colete água por baixo para evitar a podridão das raízes e garantir que as aberturas na parte inferior não estejam fechadas e permita que o excesso de água vaze.

Tipos de verduras e legumes para cultivo em casa

Há uma variedade de frutas e legumes dos quais você pode confiar para o seu processo caseiro: por exemplo, entre os meses de agosto e outubro, você pode cultivar pimentão, tomate...

Há outro período, nos meses de junho e julho que são mais frios, no qual você pode cultivar almeirão, beterraba, rúcula... e existem muitos outros tipos que você pode cultivar em outros períodos.

Veja essa tabela de sugestões de verduras e legumes fáceis de plantar em casa:

Janeiro

  • Alface
  • Agrião
  • Aipo
  • Batata-doce
  • Beterraba
  • Coentro
  • Couve
  • Chicória
  • Espinafre
  • Nabo
  • Rabanetes
  • Rúcula
  • Salsa

Fevereiro

  • Agrião
  • Alface
  • Beterraba
  • Chicória
  • Couve
  • Espinafre
  • Manjericão
  • Rabanetes
  • Repolho
  • Salsa

Março

  • Alho
  • Alface
  • Brócolis
  • Cenoura
  • Couve-flor
  • Chicória
  • Espinafre
  • Salsa
  • Salsão
  • Repolho

Abril

  • Agrião
  • Alho
  • Beterraba
  • Brócolis
  • Couve-flor
  • Chicória
  • Espinafre
  • Nabo
  • Salsa
  • Salsão
  • Rúcula
  • Repolho

Maio

  • Beterraba
  • Brócolis
  • Cenoura
  • Chicória
  • Couve -flor
  • Espinafre
  • Nabo
  • Salsa
  • Salsão
  • Rabanete
  • Repolho
  • Repolho de inverno
  • Rúcula

Junho

  • Agrião
  • Almeirão
  • Beterraba
  • Brócolis
  • Cenoura
  • Chicória
  • Couve -flor
  • Nabo
  • Repolho de inverno
  • Rúcula

Julho

  • Almeirão
  • Alho
  • Alface
  • Beterraba
  • Rabanete
  • Rúcula

Agosto

  • Berinjela
  • Pimenta
  • Pimentão
  • Tomate

Setembro

  • Alface
  • Abobrinha
  • Berinjela
  • Brócolis
  • Cenoura
  • Coentro
  • Couve -flor
  • Feijão de vagem
  • Jiló
  • Maxixe
  • Pimenta
  • Pimentão
  • Pepino
  • Salsa
  • Tomate
  • Rabanete

Outubro

  • Abobrinha
  • Brócolis
  • Batata-doce
  • Berinjela
  • Cenoura
  • Couve -flor
  • Pimentão
  • Pepino
  • Repolho
  • Salsa
  • Tomate

Novembro

  • Alface
  • Batata-doce
  • Brócolis
  • Cenoura
  • Couve -flor
  • Coentro
  • Rabanete
  • Repolho

Dezembro

  • Abobrinha
  • Cenoura
  • Pepino
  • Repolho

Métodos de cultivo em casa para iniciantes

Embora o plantio de uma horta não seja difícil, exige algumas etapas para obter plantas de vários tipos e cores, e as seguintes são as mais importantes:

  • Garanta que o local das plantas seja exposto à luz solar pelo menos 6 horas por dia.
  • A espessura da terra não deve ser inferior a 15 cm.
  • Prepare o solo a ser plantado juntamente com o fertilizante vegetal apropriado.
  • Escolha os tipos de vegetais e ervas cultivadas em pequenas áreas.
  • Divida o jardim em quadrados e cultive uma espécie específica em cada quadrado.

Métodos para as principais espécies

Abaixo um roteiro para o plantio e cultivo das principais verduras e legumes que podem ser plantadas em casa

Cenouras

A cenoura é um dos tipos de vegetais que podem ser cultivados facilmente no jardim da casa.
As sementes de cenoura podem ser encontradas facilmente em lojas especializadas e por um preço bem baixo. Inicialmente, uma linha reta precisa ser perfurada para que as cenouras sejam plantadas, e as sementes de cenoura podem ser misturadas com um pouco de areia fina para facilitar a propagação das mesmas, depois cubra-a com adubo orgânico e polvilhe um pouco de água, tomando cuidado para não encharcá-la.

Alface

Algumas folhas de alface são removidas e colocadas em água por vários dias
A alface é um dos vegetais fáceis de cultivar em casa, removendo algumas folhas e colocando-as na água e deixando-as em um local exposto à luz solar intensa, tomando o cuidado de trocar a água diariamente, novas raízes começarão a se formar. E então mova-o para o solo.

Pimenta

A pimenta é uma planta de rápido crescimento, e é cultivada comprando sementes de pimenta e colocando-as em uma tigela cheia de adubo e deixadas em um local onde o sol irradia, então toda a planta pode ser transferida para o solo do jardim ou do vaso depois que cresce bem. Também é possível obter sementes sem ter que comprá-las, lavando as sementes de uma pimenta dentro da casa, depois secando-as e colocando-as na geladeira por um período curto, estão prontas para serem plantadas na terra.

Batatas

O cultivo da batata é cortando-a no meio e enterrando-a no solo
As batatas podem ser cultivadas dentro e fora de casa, coletando batatas cujos botões apareceram e colocá-las em um vaso plano coberta de terra e, à medida que as raízes crescem, são adicionadas camadas de terra. Do lado de fora, as batatas precisam de cerca de 7 semanas para serem colhidas, cultivadas cortando-as ao meio e depois colocadas no solo, levando em consideração a irrigação regular.

Alho

Corte os dentes de alho do centro e enterre-os no solo
Monte vários dentes de alho, corte-os ao meio e coloque-os no solo em cerca de 5 cm e cubra o solo com uma camada de palha, adubo orgânico e folhas de árvores, levando em consideração a separação de cada fruto em cerca de 1 cm.

Tomate

Os frutos do tomate precisam de 3 a 10 dias antes de começarem a crescer, e são plantados colocando 2 a 3 sementes em um vaso pequeno, garantindo que elas sejam pulverizadas com água de uma a três vezes ao dia. À medida que crescem, são transferidos para um vaso maior de cerca de 60 cm para cada muda, com a adição de um punhado de fertilizante orgânico, que estimula o sistema imunológico da planta, garantindo que as folhas inferiores sejam removidas das mudas e mantendo apenas as folhas superiores.

Tipos de folhagem que podem ser cultivadas no jardim da casa
  • Manjericão

As folhas de manjericão têm um aroma agradável e podem ser usadas para preparar muitos tipos de pratos, o que dá um sabor diferente e delicioso. É cultivado colocando pequenos grãos de manjericão preto em um vaso pequeno com uma cobertura de adubo orgânico e borrifando-os com água e colocados em um local exposto ao sol, para aparecer, em aproximadamente duas semanas, pequenos gravetos cheios de folhas.

  • Salsa 

Salsa: Coloque as sementes de salsa em um vaso coberto com terra, mantendo cerca de 10 cm do topo vazio, para que as sementes sejam colocadas e cobertas de adubo orgânico por cima, pulverizando diariamente com água e mantendo a umidade do solo e começarão a crescer dentro de 3 semanas.

  • Hortelã

Hortelã: Os galhos de hortelã são colocados em um vaso adequado, coberto com terra, mantendo-o úmido durante todo o dia, que deve ser colocado à sombra quando o sol está muito quente.

 

Este Artigo foi escrito para a Empresa Arth ThC pelo Especialista em Marketing Digital Antonio Duarte e pela Jornalista Kauany Oliveira. Se você tem alguma sugestão, ou dúvida, pode entrar em contato com a Empresa Arth ThC através deste Formulário de Contato.